quinta-feira, 20 de maio de 2010

Desafio - 6 coisas que não sabem sobre moi!

A minha caríssima e queridíssima colega Maria passou-me este desafio, vamos lá ver o que daqui sai.... Antes de mais devo dizer que subscrevo o que disseste sobre a nossa área profissional, lol.

Comecemos pelas regras:
a). Eleger 6 amigos para repassar;
b). Colocar o link dos blogs listados;
c). Avisar o amigo sobre a postagem;
d). Deixar um comentário no respectivo blog.

E cá vão então 6 coisas que não sabem sobre mim:

1 - Odeio aranhas... detesto, não suporto, grito que nem uma desalmada cada vez que tenho um encontro imediato de terceiro grau com tais criaturas nojentas. Já fiz o Pseudo parar o carro para tirar uma que passeava em cima do tablier mesmo à minha frente. Para mim, tudo o que tenha mais de 4 patas é bicho abominável;

2 - Quero conduzir um camião!! Sim, eu quero ir tirar a carta de pesados. Talvez para combinar com a minha fisionomia (também sou pesada, lol). O meu pai é e sempre foi camionista, acho que o bichinho dos camiões pegou na família (quase) toda e eu há muito que ando para ir tirar a carta mas tem sido adiado sucessivamente. Não, não quero fazer disto profissão, apenas quero ter o prazer de, de vez em quando, acompanhar o meu pai nas viagens, como fazia quando era miúda, a diferença é que agora quero ser eu a conduzir;


3 - Enjoei a mariscos. É verdade, parece anedota, mas é a pura das verdades. Adorava arroz de marisco e camarão e mariscadas e afins. Até ao dia em que enjoei. Não me perguntem porquê, nem como, não sei explicar, sei apenas que nem com o cheiro posso e não consigo meter à boca nem uma garfada de qualquer coisa com mariscos que se me dá assim uma reacção a modos que enjoativa. :p A única coisa que ainda consigo tolerar são as delícias do mar, nada mais;

4 - Tenho vertigens. Montes de gente tem, eu sei, mas o meu caso é grave. Por exemplo: em Coimbra morava num segundo andar. Olhava da janela cá para baixo na maior. Se por acaso fosse a casa da vizinha de cima já não conseguia olhar cá para baixo, parecia que me começava a faltar o chão debaixo dos pés. Mistério.....

5 - Adoro havaianas. Se pudesse, andava sempre de havaianas, de pézinho ao léu, ainda mais agora com esta brasa que está lá fora. Quando chovesse, andava bem todos os dias de sapatilhas. Em definitivo não tenho pés de gente, não aguento calçado muito "pipi";

6 - E pronto, last but not the least, tenho saudades de viver em Coimbra. Não desfazendo, mas quem me tirou Coimbra....... Gosto bastante do sítio onde estou agora, adoro o sítio onde trabalho, adoro o facto de na Marinha poder andar a pé para todo o lado e ter tudo a 5 minutos de distância, mas tenho saudades de Coimbra. De estar mais perto do meu afilhado, dos meus pais, da família em geral. Tenho saudades de sair de casa à sexta à noite para ir comer uma pizza à Variante ou uma alheira no Mimosa ou, ainda, uma grelhada ao Colher de Pau. Tenho saudades de ir à feira com a minha mãe ao sábado de manhã, de passear pela baixa e ver as montras, de andar de autocarro. Tenho saudades do urso do Parque Verde e da Ponte Pedonal sobre o Mondego. Tenho saudades de estar a meia hora de caminho de Hombres. Enfim, tenho saudades da minha terra...


E a terminar, o desafio vai para.....
Beijokas!!


4 comentários :

So artes disse...

Oi querida, adorei te conhecer melhor através desse desafio...obrigada por lembrar de mim...com certeza vou responder ainda essa semana e colocarei no mural *selos e awards* do cantinho, ok?beijinhos
So

Lin Sousa disse...

olá, adorei ser lembrada..já vou colocar lá no blog esse desafio .. mas dando um passeio pelo seu blog , vi o Tobias lá no final e ele está LINDO!! que gato fofo!! e q lugar maravilhosos é Hombres.. fantástico ..este mundo blogueiro é mesmo uma maravilha .. eu aqui , vc aí e descobrimos maravilhas de cá e de além mar num piscar de olhos ..bjs LIN

Maria disse...

Um camião?? Tu és uma ganda maluca!! Eu fico com suores frios só de pensar em conduzir um carrinho normal, quanto mais! Quanto às saudades... também tenho saudades da altura em que morava na minha terra natal... muitas. Mas já tive mais, pois uma das coisas que mais me prendia lá já não está lá à minha espera... Bjs

Ticha disse...

olá!

Obrigada pelo desafio :)

Beijos